Publicada em 12/07/2011 às 20h01. Atualizada em 20/03/2012 às 16h04

Hoje é dia mundial da água. Saiba a importância dela para a sua saúde

O nome de “fonte da vida” não é à toa: o precioso líquido é o que faz nutrientes, detritos celulares e um sem número de substâncias circularem pelo nosso organismo.

CONTEÚDO HOMOLOGADO Bahiana
Compartilhe

"Para um planeta com população de cerca de 7 bilhões de pessoas, é óbvio que a disponibilidade da água já é um problema mundial". 

 

A proporção entre a quantidade de água que temos no corpo humano e aquela que se encontra disponível para consumo na natureza já dá uma ideia clara da dimensão do quanto precisamos avançar na questão da conscientização sobre esse precioso recurso mineral. São 70% de água, em média, no nosso corpo, para apenas 2,5% de água passível de uso humano, se contados apenas rios, lagos, geleiras e águas subterrâneas – contagem muito otimista, já que a água das geleiras está nos polos e, em forma sólida, portanto, dificilmente acessível. Para um planeta com população de cerca de 7 bilhões de pessoas, é óbvio que a disponibilidade da água já é um problema mundial. 

Mas o que é uma água potável? É a água para consumo humano cujos parâmetros microbiológicos, físicos, químicos e radioativos atendam ao padrão de potabilidade e que não ofereça riscos à saúde, como prevê a Portaria 518/04 do Ministério da Saúde, que estabelece os procedimentos e responsabilidades relativos ao controle e vigilância da qualidade da água para consumo humano e seu padrão de “potabilidade”.

Quem mora nas grandes cidades tem mais acesso à água de qualidade. Segundo os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), de 2004, 3,4 milhões de residências no Brasil não têm água encanada. A situação ainda é pior nos municípios com menos de 20.000 habitantes: 1/3 deles não têm água tratada.

Não é preciso muito para perceber como essa situação é delicada. A necessidade de consumo de água é cotidiana. Muitas dores de cabeça – especialmente em mulheres - são apenas o organismo da gente reclamando um pouco mais de água: 85% do cérebro são puro líquido. E como perdemos líquido o tempo todo, é preciso repor água o tempo inteiro.

Mas o que é a água? H2O, alguém mais engraçadinho vai dizer imediatamente. Ok, a água é a união de partículas de hidrogênio e oxigênio, mas é muito mais que isso: é o mais importante elemento da natureza para a sobrevivência de tudo o que é vivo. Uma mera redução de 2% na quantidade de água do corpo é o bastante para provocar sinais de desidratação: isso afeta nossa memória de curto prazo e até causa dificuldades para raciocinar. 

A desidratação leve é também uma das causas mais comuns da fadiga diurna. Estima-se que 75% das pessoas vivam em constante estado de desidratação leve. Bem, se o sangue é 82% água, e os pulmões, tão delicados, 90%, então, não é difícil adivinhar a enorme importância da água para o funcionamento do corpo humano. Todas as funções celulares e dos órgãos de nossa anatomia e fisiologia dependem da água para ocorrer.

"Beber oito copos de água por dia pode diminuir o risco de câncer de cólon em 45%, de bexiga em 50%, entre outras formas de prevenção e cura".

Além da manutenção diária do nosso corpo, a água também desempenha um papel fundamental na prevenção de doenças. Beber oito copos de água por dia pode diminuir o risco de câncer de cólon em 45%, de bexiga em 50%, entre outras formas de prevenção e cura.

A água transporta os nutrientes, hormônios, enzimas e detritos celulares resultantes dos processos metabólicos por todas as partes do nosso corpo. A quantidade de água no corpo humano varia com a idade, sexo, massa muscular e com a percentagem de tecido adiposo (gordura). As variações vão se definindo no crescimento, aumento ou perda de peso, durante a gravidez e lactação. 

Gordura e músculos

Quando a pessoa aumenta seu peso porque está mais gorda, ou seja, com mais tecido adiposo, ela imediatamente tem a quantidade de água no organismo diminuída. Isso porque a água está mais presente no músculo (até 73%) do que na gordura (até 30%). Por isso quem quer perder o que os médicos chamam de massa gorda precisa beber bastante água.

A justificativa é que, durante o metabolismo da gordura, produzimos água repleta de resíduos. Para que essa água não fique retida, há necessidade de se ingerir mais água. É isso que mantém o equilíbrio hídrico do organismo. Sem uma hidratação adequada, a pessoa malha, mas o corpo fica inchado porque a concentração de sódio aumenta e é preciso compensá-la retendo líquido! 

Sendo tão importante para nossa vida, dá para imaginar que a qualidade da água que bebemos deve ser a melhor possível. A água potável deve estar sempre limpa e livre de contaminantes para garantir a boa saúde e bem-estar. O ideal é consumir água mineral vinda de fontes subterrâneas, que contam com ferro, flúor e mercúrio, entre outros minerais.

"Embora não seja a alternativa mais comum na maioria das grandes cidades brasileiras, um bom sistema de filtração de água instalado em casa pode ser a melhor maneira de monitorar e garantir a qualidade e a segurança de sua água potável".

Infelizmente, no Brasil, é grande o número de pessoas que ainda se utiliza de água de poço, especialmente no Norte, Nordeste e Centro-Oeste, que não é segura para consumo humano devido à poluição industrial e pesada contaminação ambiental. Bactérias tóxicas, produtos químicos e metais pesados são os principais poluentes das fontes naturais de água. Isso faz com que muita gente adoeça, com sérios danos ao fígado, estômago e intestino.

Embora não seja a alternativa mais comum na maioria das grandes cidades brasileiras, um bom sistema de filtração de água instalado em casa pode ser a melhor maneira de monitorar e garantir a qualidade e a segurança de sua água potável. Há várias técnicas, com sistemas de purificação que podem remover 90 a 99% de todos os contaminantes. 

Uma boa dica é espremer um limão num pouco de água morna pela manhã, todos os dias. Isso ajuda o sistema digestivo e faz com que o processo de eliminar os resíduos do corpo ocorra mais facilmente. Também ajuda a evitar constipação e diarréia, otimizando as funções do intestino liso. Popular por suas propriedades terapêuticas, o limão ajuda a fortalecer seu sistema imunológico, ajudando a proteger a maioria dos tipos de infecções. Ele também desempenha o papel de purificador do sangue. 

A receita pode não ser exatamente uma delícia, mas é boa também para quem tem problemas cardíacos, devido ao seu alto teor de potássio. Além disso, o limão é um antisséptico, ou seja, impede a presença de bactérias patogênicas.

Referências:

Referências

Aspectos Fisiológicos da Ingestão de Água no Organismo Humano e sua Influência no Rendimento Atlético

A vigilância da qualidade da água para consumo humano: desafios e perspectivas para o Sistema Único de Saúde 

 

 

Compartilhe

Mas o que é uma água potável?

É a água para consumo humano cujos parâmetros microbiológicos, físicos, químicos e radioativos atendam ao padrão de potabilidade e que não ofereça riscos à saúde, como prevê a Portaria 518/04 do Ministério da Saúde.

Serviços Gratuitos
  • ADAB - Ambulatório Docente-Assistencial da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública.
    Av. D. João VI, nº 275, Brotas, CEP: 40290-000, Salvador, Bahia
    Tel.: (71) 3276 8200.



  • Hospital Universitário Prof. Edgard Santos - HUPES
    Rua Augusto Viana S/N, Canela, Cep 40.110-060, Salvador, Bahia
    Tel.: (71) 3283-8000.
 

Redes Sociais