Publicada em 02/03/2012 às 00h00. Atualizada em 22/05/2012 às 18h20

Como escolher os óculos de sol? Aprenda a proteger seus olhos dos raios nocivos

A oftalmologista Dr.ª Ana Karina Ferraz esclarece sobre os riscos na escolha dos óculos de sol.

CONTEÚDO HOMOLOGADO Bahiana
Compartilhe

" Em relação à saúde humana, os raios ultravioletas (UV) assumem um papel importante no desencadeamento de diversas doenças". 

O sol emite, em direção à superfície da Terra, radiações luminosas que, embora fundamentais para a manutenção da vida em nosso planeta, podem também ser prejudiciais quando há uma exposição excessiva. Em relação à saúde humana, os raios ultravioletas (UV) assumem um papel importante no desencadeamento de diversas doenças. De acordo com o comprimento de onda podem ser classificados como Ultravioleta A (UVA), Ultravioleta B (UVB) e Ultravioleta C (UVC). 

Câncer de pele, envelhecimento precoce e diversas doenças oculares são alguns dos problemas relacionados à exposição solar prolongada e desprotegida. É imprescindível incentivar o uso de chapéus, guarda-sóis, óculos escuros e filtro solar durante qualquer atividade ao ar livre e evitar a exposição em horários em que os raios ultravioleta são mais intensos, ou seja, das 10h às 16h.


Num país tropical como o nosso, o sol e o calor intensos levam a uma mudança dos hábitos e comportamentos das pessoas. Por exemplo, durante o verão, observa-se um aumento crescente do consumo de óculos de sol. Trata-se de um produto acessível a todas as camadas da sociedade, podendo ser encontrado nos mais diversos estabelecimentos comerciais, desde importadoras até no comércio informal, sempre com grandes variações de preço. Entretanto, além do aspecto estético, é importante ter em mente que os óculos devem ter, antes de tudo, a função de proteção ocular. A utilização de óculos cujas lentes não oferecem proteção adequada é mais perigoso do que simplesmente não usá-los.

"...além do aspecto estético, é importante ter em mente que os óculos devem ter, antes de tudo, a função de proteção ocular".



O olho humano possui mecanismos de defesa naturais que são inibidos pela escuridão proporcionada pelas lentes. A pupila, que automaticamente se fecharia diante da luminosidade, mantém-se dilatada quando se utiliza lentes escuras. A reação natural do ser humano de fechar os olhos é comprometida pela utilização dos óculos de sol. Portanto, se as lentes não protegem, os raios ultravioleta passam e afetam o olho mais severamente do que se não fosse usado nenhum tipo de lente.

Os efeitos agudos da exposição dos olhos à radiação UV incluem o desenvolvimento da fotoceratite e fotoconjuntivite (que são lesões na córnea e conjuntiva, respectivamente). Já a exposição crônica pode estar relacionada ao câncer na pele das pálpebras e na conjuntiva, catarata, ao desenvolvimento do pterígio e à degeneração da mácula. 

Para proteção adequada, os óculos de sol devem: bloquear de 99% a 100% das radiações UVA e UVB, não distorcer imagens ou mudar as cores, ter lentes cinza, verdes ou marrons. Já as lentes amarelas, ao contrário, aprimoram a precisão visual em dias nublados ou com neblina e oferecem melhor visibilidade em condições de pouca luz. 

As lentes fotossensíveis ou fotocromáticas de bons fabricantes são práticas porque, além da proteção ultravioleta, escurecem e clareiam automaticamente conforme a luminosidade do ambiente. Embora mais caras, podem ser feitas com ou sem grau.

A escolha dos óculos de sol ideal começa por uma armação leve e bem adaptada ao rosto do usuário. As lentes podem ter grau desde que prescritas por um oftalmologista. Deve-se optar por adquiri-los em estabelecimentos comercias que forneçam produtos de fabricantes conceituados. Estes sempre informam o nível de proteção à radiação ultravioleta de suas lentes, sejam elas claras, escuras ou fotossensíveis, fornecendo ainda certificado de garantia e de qualidade.

Compartilhe
Serviços Gratuitos
  • Ambulatório Docente-Assistencial da Bahiana - ADAB
    Tel.: (71) 3276 8200
    Av. D. João VI, 275, Brotas, Salvador, Bahia, CEP. 40.290-000
  • Hospital Universitário Prof. Edgard Santos - HUPES
    Tel.:(71) 3283 8000 Rua Augusto Viana S/N, Canela, Salvador, Bahia, CEP. 40.110-060

 

Redes Sociais